Alex Garcia está fazendo as malas para o ano de 2020 com o seu melhor desempenho na temporada

0
9

Destaque a vitória de Bauru sobre Franco no último compromisso do Novo Basquete Brasil (NBB), o winger de winger Alex Garcia no jogo de seu melhor prosseguimento na temporada atual: foram 27 pontos, quatro rebotes e quatro assistências.

Perfeito em uma linha gratuita para jogar em 10 tentativas, Alex ainda está em aberto para assumir um playground judicial. Acerta três em quatro chutes de três pontos e quatro em cinco por dois pontos, que totalizaram quase 85% acertos.

Essencial para a vitória-como Dragon, depois de abrir a vantagem, viu o adversário reagir mais enérgico no terceiro trimestre-“Brabo”, como é conhecido por animar a torcida, vai terminar os 41 anos ainda nesta temporada e ver mais do que pronto para seguir a peça em alto nível.

+ Assista a tabela e a revisão do NBB

1 de 1 Alex liderou a vitória de Bauru sobre Franca com 27 pontos e quase 85% de pênaltis no curso-Foto: Marcos Limonti/LNB

Alex liderou a vitória de Bauru sobre Franco com 27 pontos e quase 85%% levado na quadra-foto: Marcos Limonti/LNB

-Eu me sinto muito bem. Eu tenho que fazer tudo no meu poder, mas não cai do céu. Trabalho bem um dia no dia, tanto na academia, como na quadra. Estou olhando para o trem 100%, ‘ porque eu sei no jogo, eu vou precisar disso. Por isso o suficiente no momento em que estou fisicamente bem e com a minha cabeça muito boa para ajudar a equipe a vencer-disse isso em entrevista à DAZN após o jogo.

O alto desempenho de Alex ajudou Bauru a encerrar o ano com a terceira melhor campanha do NBB. Ele lidera a equipe em pontos médios, com 16,2 por jogo e ainda tem um dos cinco melhores índices de desempenho da liga.

Multicampeão (com quatro NBB e vários graus nacionais e até mesmo continentais), passagens na Europa e na NBA e vários prêmios individuais (MVP do NBB e o melhor departamento da competição em três temporadas, entre outras coisas), Brabo garante que o fim da carreira é algo que nem sequer está passando pela cabeça.

Eu tenho um monte de lenha para queimar, ainda muito gás. Eu estou muito motivado, e essa parte da minha família eu amo. Minha esposa e filhas, isso é para eles. O basquete é a minha paixão, tenho minha família para o basquete, toda vez que vou ao tribunal, é prazer e sempre fico ansioso para o melhor.

O Baurus é devolvido ao tribunal 5. No dia 1 de janeiro contra o Minas no Antônio Prado Júnior, em São Paulo.

+ Veja mais notícias ge.globo/tvtem