Marcinho, do Botafogo, é suspeito do que deixou uma pessoa morta.

0
9

Jogador Botafogo Márcio Almeida de Oliveira, Marcinho, é alertado para a polícia, como é suspeito de ter atropelado a noite do Recreio na noite de quarta-feira à noite (30). A informação foi publicada em tempos de Epoch e confirmou ge.

Professoras Maria Cristina José Soares e Alexandre Silva de Lima ultrapassaram a Avenida Sernambetiba, na quantia de 17.170 quando o carro foi atingido, o modelo Mini Cooper. O motorista fugiu sem o socorro. O homem morreu no local do crime, e a mulher ficou gravemente ferida.

+ Botafogo Transition Group recomenda ” ações de emergência ‘

1 de 4 Marcini, lateralmente-a-direita de Botafogo-Foto: Vitor Silva / Botafogo

Marcinho, mais tarde-direito do Botafogo-Foto: Vitor Silva / Botafogo

O veículo está em nome de uma empresa de materiais hospitalares. Sérgio Lemos de Oliveira, pai e gerente da Marcinho Company, é sócio dessa empresa. ge tentou entrar em contato com ele, mas ele não teve sucesso.

De acordo com Allan Luxard da 42ª DP (Recreio) que assumiu a investigação do caso, um carro abandonado foi encontrado na rua Hermes de Lima, em Recreio Bandeirantes, a cerca de 600 metros do local do acidente.

2 do Auto envolvido no acidente está no nome de uma empresa cujo parceiro é o pai de Marcinho-Foto: Divulgação

Auto envolvido no acidente fica por conta de uma empresa cujo parceiro é o pai de Marcinho-Foto: Disclosure

3 dos 4 Auto envolvidos no acidente fica por conta de uma empresa cujo parceiro é o pai de Marcinho-Foto: O Cabedão do

Auto envolvido no acidente fica em nome de uma empresa cujo parceiro é o pai de Marcinho-XX_ENCODE_CASE_CAPS_LOCK_On foto: divulgação

A polícia realizou a primeira perícia lá mesmo no local, e o veículo foi então recebido pelo seguradora na garagem na casa de seu pai. O momento em que o carro está no pátio da delegacia, no Recreio.

A busca foi feita no apartamento de Marcinho, que ainda não foi encontrado para prestar esclarecimentos. O Atlét também concluiu seu perfil no Instagram.

-Nós fornecemos informações sobre se ele estava em (Marcinho) ou não. Espero que ele ouça hoje. Em primeiro lugar, ele era o motorista, não há nenhuma testemunha-explicou o delegado que informou que o veículo foi levado para a garagem do pai de Marcini após perícia.

4 de 4 Trecho do asfalto, onde já ocorreu, tem marca de sangue-Foto: Debora Gares/TV Globo

Trecho do asfalto onde o hitP/run ocorreu ainda tem linhaça-Foto: Debora Gares/TV Globo

Em nota, 42ª DP diz ” Um veículo pertencente a uma empresa cujo pai um jogador é um parceiro foi colocado, derrubado e detido. Testemunhas foram ouvidas e as investigações estão disfarçados para descobrir quem dirigia o carro “.

Procurando-se ge, os conselheiros do Botafogo e Marcini ainda não foram colocados sobre este caso. O contrato de Marcinho com o clube carioca termina na quinta-feira 31. Dezembro. Ele não deve continuar com a equipe.

Nas notas, os alunos do CEFET/RJ ‘ endereço central lamentam a morte do professor Alexandre Silva de Lima.