Retrospectiva comercial: acesso à eletricidade, frustração na taça e descargas relâmpago

0
10

1 de 5 Warley, atacante do Business, disputa de bola com o goaltender Tom, da Ferrovia-Foto: Rafael Alves / Comercial FC

Warley, Comercial Atacante, Bola Disputa com o gol do goleiro Tom, de Rail-Foto: Rafael Alves / Comercial FC

Comercial não pode vencer o principal objetivo do ano, que foi o acesso à Série A3 do Campeonato Paulista, mas pelo menos sobreviveu ao encerramento do calendário e o jogo com o portão fechado devido ao novo coronavovírus ” uma pandemia, e encheu os olhos de multidões com o futebol showy sob o comando Fahel Júnior.

Em colaboração com o parceiro que terminou dois meses sem assinar a assinatura do contrato, ainda havia esperança para um dia melhor. Siga o retroativo Northern Lion com os principais fatos selecionados por ge.

Série A3

O Bafo começou o ano animado sob o técnico tacoso Roberval Davina, que chegou a maio de 2019 e comandou a equipe até a quaresfinal da Copa Paulista, que acaba como a sexta melhor campanha. Enquanto mantém a base e a chegada de possuas pontuais, Comercial não combina com o campo.

Depois de dois portos e dois movimentos e um penúltimo local, Davino foi expulso do comando técnico e Fahel Júnior foi contratado para o dia seguinte. O novo comandante estreou com vitória sobre o Paulista, mas acabou com o replay na continuação 3 e aos 0 minutos para São Bernardo. Este jogo seria um tempo muito memorável depois.

2 de 5 Roberval Davino Comercial-Foto: Reprodução/EPTV

Roberval Davino Comercial-Foto: Reprodução/EPTV

Depois de definir, Fahel levou a equipe a um jogo de cinco jogos sem derrota até que o campeonato parasse por causa do novo coronavírus, por isso a equipe na terceira localização. Com as atividades sendo perseguidas, a diretoria corria como se pudesse acompanhar os deveres no dia a dia e, como sempre, foi abraçado por seus apaixonados por escrocamento.

Os jantares foram classificados em ordem, feijoada, pizza, bilhete virtual e outras campanhas com pleno sucesso, o que permitiu que a equipe conseguesse manter alguns atletas e até mesmo contratar outros para o catchup. Ao todo, 12 jogadores deixaram a equipe, mas os outros cinco foram contratados e outros oito atletas tiveram vínculos restaurados.

O revival foi espetacular, uma vitória de 3-2 sobre o Noroeste líder. A equipe se classificou com a impressionante sequência de 11 jogos invicto. O ranking na terceira colocação o colocou para frente para o Linense, o sexto, e o Bafo foi repassado, vencendo 1-0 em Lins e fez 3 a-1 em Palma Travassos.

O pacote de pacotes empacotados foi embalado para enfrentar São Bernardo, que tinha a vantagem de decidir sobre o ABC. O leão do Norte abriu a mesa com Warley e não sofreu muita pressão de Bernô. Mas um pênalti inútil nos 26 minutos do primeiro tempo deu uma chance ao Puppy sobre o empatata.

3 de 5 Warlei, do Comercial, sofre a marcação de Dante, do EC São Bernardo, pela semi do A3-Photo: Rafael Alves / Proliferação / Comercial

Warlei, do Comercial, sofre marcação de Dante, do CE São Bernardo, pela semi do A3-Photo: Rafael Alves / Disseminação/comercial

na volta do segundo tempo, um bafo incompreensível estava em campo e foi atropelado pelo São Bernardo, que virou a partida para 3 e 2. no final da partida, a torcida que estava parada fora de fogos de artifício sem aluguel em direção ao campo.

No jogo de volta, o drone Commercial perdeu o pênalti no início da partida, com Warlei, que comprou sozinho por si mesma sobre abrir a diretoria de resultados na continuação. Mas a equipe saltou mais chances e não usou para chegar ao segundo gol, necessário para fazer uma competição por sanções.

Copa Paulista

No segundo tempo, cena de Palma Travassos repetida em 1 de maio, Puppy foi com todo mundo, e em seis minutos ele já marcou dois gols. A equipe de negócios entrou em um desesperado e viu Fahel Júnior ser expulso. Nenhuma reação, apática, foi uma presa leve para São Bernardo, que ainda marcou mais um e selou o acesso à série A2 e ao espaço livre na decisão.

+ Veja mais notícias de Ribeirão Portanto e região + Testes de Covid-19 custarão clubes em 2021

Bafo estreou em uma competição por alguns dias antes do segundo jogo nas semifinais do A3, no empate por 1 a-1 com o trem. Fahel usou virtualmente o time titular para dar um filme ao time. Após a eliminação, o Bafo ainda levou a engrenagem na disputa, empatou com o Atibaia e acabou com uma mudança de perda para o Velo Clube.

4 de 5 Fidel, das Vendas, partida contra XV Piracicaba, Copa Paulista Foto: Rafael Alves / Divulgado / Comercial FC

Fidel, do Negócios, ao sair contra XV de Piracicaba, Copa Paulista Foto: Rafael Alves / Divulgação / Comercial FC

Won Rio Claro time nos joelhos, em casa, repetiu um triunfo contra o Atibaia e um novo empate caseiro com uma escada selada de Locomotiva como líder chave. Ele se esveste na primavera do Oitavo, Rival da Segundona Finale de 2018 Paulista. Após o empate do goaleiro em Indaiatuba, venceu o 3 a-1 em Ribeirão Portanto e avançou para as quartas de final.

Fim eliminado por Piracicaba XV após empate em casa e 1-0 derrota no final da partida no bar Serra Negra, com o gol de Victor Sapo, autor de um dos gols de São Bernardo nas semifinais do A3, os dias antes. Dav protestou capturando as paredes do estádio de Palma Travassos.

Imbroglio com parceiro parceiro

A empresa D Sports apareceu em setembro como um selador de contas de negócios e sugere uma parceria que antecipou investimento mensal de até 50 R$ para contratação de atletas e uma contrapartida estaria ligada à descoberta de novos jogadores e ao uso do futebol. O Conselho Consultivo veio com a aprovação unânime do Acordo.

Os parceiros que tiveram como representantes Walter Gam e Ruddy Flores fizeram dois depósitos em setembro e outubro, exceto para o valor seguinte, o total de R$ 130. Em novembro, porém, não aconteceu de novo, e foi quando o primeiro barulho entre as partes chegou ao público. No início de dezembro, o curso do clube admitiu que o contrato ainda não tinha sido assinado.

5 de 5 O Presidente de Academic Chiari, de Negócios-Foto: Matheus Urenha / The City

Presidente do Academic Chiari, do empresariado-Foto: Matheus Urenha / A Cidade

No último dia 17, o presidente de Academic Chiari anunciou que o comércio foi devolvido e chamado os representantes ” aventureiros ‘. O presidente disse, inclusive, que o clube poderia tomar medidas legais contra a empresa.

Na última semana do ano, o Bafo está tentando conseguir fundos para se manter no futebol e criar uma ocupação competitiva. E isso não é definido na equipe no próximo ano, e que o técnico Fahel Júnior, cujo contrato acabou, está voltando.

Série A3 tem uma previsão de arranque de 7. Março. Com o objetivo de 21 datas, espera-se que uma decisão seja tomada 6. Junho.